Pegada ecológica: saiba mais sobre a [r]evolução nos calçados

Anualmente, são despejadas mais de 22 milhões de toneladas de plástico nos oceanos. Ações de combate e conscientização deste número exorbitante têm sido feitas no mundo todo e, mesmo com esses dados alarmantes, ainda há com o que nos orgulhar!


Fonte: Zouri Shoes

Adriana Mano, criadora da marca Zouri Shoes, de Portugal, há cerca de um ano e meio criou os calçados veganos. Nestes modelos, as solas são feitas com material plástico recolhido das praias portuguesas. Ação única e exclusivamente feita por pessoas voluntárias. Somente em Esposende, uma das praias mais movimentadas durante as estações mais quentes do ano, foram recolhidas mais de uma tonelada.


Com o intuito de aumentar a arrecadação de materiais plásticos, a marca busca parcerias com organizações públicas. Desta forma, tem o objetivo de aumentar consideravelmente o número de plástico recolhido e, claro, manter uma parceria sólida junto à entidades ligadas ao meio ambiente, desenvolvendo e incentivando a conscientização para o uso deste material.



Para além das limpezas nas praias

Adriana Mano pensa em iniciativas para além de apenas transformar o lixo em luxo. Para ela, de nada adianta tomarmos uma atitude para a reutilização deste material tão poluente ao meio ambiente, se não começarmos a pensar urgentemente em estratégias de conscientização.

Fonte: Zouri Shoes

“Não só fazer campanhas de limpeza, mas ações de sensibilização nas escolas, onde falamos dos oceanos, da necessidade de reduzir e de promover um olhar diferente sobre os resíduos”, conta ela.


Afinal, Adriana relata que muitos dos materiais considerados sem utilidade podem virar matérias-primas fundamentais nas mãos de artistas criativos. Ou, até mesmo, daqueles que nem denominam-se assim ainda.



O calçado ecológico

Como todo começo, a iniciativa para produzir um calçado ecológico não foi fácil. Demandou muito esforço e envolveu múltiplos parceiros. A Ecoibéria aceitou reciclar o plástico que, depois, é aglomerado à borracha natural. Essa mistura garante maior flexibilidade às solas.


Fonte: Zouri Shoes


Cada par de sapato possui o equivalente a seis garrafas pet. Já o restante do calçado é feito de outros materiais sustentáveis, como o pinatex (criado a partir de folhas de abacaxi) e, também, o algodão orgânico -- que garante um custo mais acessível.


Fonte: Zouri Shoes

Acima de tudo, garante Adriana, o intuito é desenvolver modelos atemporais. Começaram por produzir sandálias e, em seguida, lançaram um tênis com design retrô. Entretanto, ela não quer parar por aí. Em seus projetos estão ideias para vestuário e de como fazer a economia circular. Ficaremos atentos ao que a marca tem a nos oferecer!

24 visualizações

FALE CONOSCO

(51) 2123-0222


Rua Santo Ângelo, 234 – Guarani
Novo Hamburgo/RS
CEP 93520-190